05/03/2009

Quando a educação vira notícia

Quando a educação vira notícia

Tradição, eficiência e vanguarda são conceitos que já fazem parte do caminho traçado pelo Complexo Educacional FMU, FIAMFAAM e FISP no Brasil. A instituição oferece hoje mais de 140 cursos de graduação e tecnológicos, além de programas de extensão universitária, pós-graduações e MBA’s. Por meio de uma expansão sólida, o grupo conta com uma infraestrutura de 35 prédios, localizados em sete campi espalhados pela cidade de São Paulo. 

Mas ao completar 40 anos, a instituição se viu diante de um grande desafio: aliar o crescimento sustentável ao reconhecimento por sua qualidade de ensino. É nesse momento que o Complexo FMU estabelece uma parceria com Retoque Comunicação para fazer a diferença. 

Corrida contra o tempo 

No curto período de três meses de trabalho, foram publicadas mais de duas matérias por dia sobre a FMU na imprensa. Do total, 94 foram divulgadas em portais, 75 em jornais, 10 em revistas e 12 em rádio e televisão. Somente na Folha de S. Paulo, foram quatro inserções a cada mês. 

O início do trabalho de assessoria de imprensa coincidiu, ainda, com o período dos processos seletivos, época em que as mais de 2,2 mil instituições de ensino superior no País disputam um espaço de divulgação nos principais veículos de comunicação. 

Diante desse cenário, foram traçadas estratégias de divulgação baseadas nas novidades apresentadas pela FMU nas mais diversas áreas de atuação. São elas: cursos inovadores de internet e de medicina veterinária, redução da taxa de matrícula, vestibular no período noturno, entre outros. O resultado? De 2008 para 2009, o número de alunos matriculados cresceu a uma taxa de 35%. 

Bastidores em ação 

Outro desafio a ser superado pelo trabalho de assessoria de imprensa era a apresentação do novo vice-reitor da FMU, Arthur Sperandéo, para a imprensa. O primeiro passo foi organizar encontros estratégicos com os principais formadores de opinião do Brasil, de modo a estreitar o relacionamento da instituição com os meios de comunicação.

A elaboração de pautas exclusivas sobre os planos de expansão do Complexo Educacional, inauguração de campus, novas parcerias e a realização de eventos com autoridades públicas, fizeram com que o obstáculo fosse superado. Cerca de 30% das notícias publicadas na mídia sobre a instituição foram geradas por meio de materiais elaborados pela assessoria de imprensa. Mais de 30 jornalistas solicitaram entrevistas com os porta-vozes da FMU sobre os mais variados cursos e especialidades. 

Especialista “On- site” 

Para criar uma rotina eficaz de levantamento de pautas dentro dos complexos educacionais da instituição, a Retoque disponibilizou um jornalista “on-site”, para cuidar exclusivamente desse trabalho. O objetivo da iniciativa é agilizar o processo de produção e divulgação das notícias e, principalmente, aproximar os profissionais da FMU do trabalho desenvolvido pela assessoria.


      



            



                 





Página atualizada em 05/03/2009 às 15h58