06/05/2009

Mauro Beting transforma aula em discussão futebolística com alunos de pós da FMU

Mauro Beting transforma aula em discussão
futebolística com alunos de pós da FMU


Mauro Beting atento aos comentários dos alunos

No dia 30 de abril, última quinta-feira, o jornalista Mauro Beting esteve na pós-graduação em Jornalismo Esportivo da FMU para dar uma palestra-aula sobre os veículos do jornalismo “futebolístico”, como ele mesmo costuma chamar.

A palestra tomou forma de conversa entre amigos. O tom descontraído foi criado pelo próprio jornalista, que contou causos curiosos do jornalismo esportivo, falou abertamente sobre diversos assuntos e respondeu às perguntas dos alunos. Tudo de maneira despojada, com uma linguagem informal, piadas e brincadeiras. O interesse dos presentes no assunto e a forma do diálogo fizeram com que todos perdessem a noção do tempo. O bate-papo começou às 19h e só terminou às 23h.

Mauro Beting esclareceu todas as dúvidas apresentadas pelos alunos e falou desde sua paixão pelo Palmeiras, a visão acerca de alguns jogadores e os moldes do futebol moderno, até sobre os programas esportivos da TV aberta e fechada, além de ressaltar a importância do jornalismo na web, que, de acordo com ele, finalmente deu chance a  todos de comentar o futebol de igual para igual. “Não é porque sou jornalista que tenho uma visão de futebol melhor que a dos outros, às vezes um engenheiro pode ter visto coisas que eu não vi. A internet deu a chance para todos se tornarem comentaristas, e eu adoro ver textos maravilhosos vindos de pessoas comuns. Por isso que adoro essa funcionalidade da internet, dos blogs, etc.”

Com o clima íntimo da palestra, Beting desabafou sobre algumas polêmicas, como a briga entre o jornalista Juca Kfouri, que o apadrinhou no início da carreira, e o apresentador Milton Neves, com quem trabalha atualmente na TV Bandeirantes. “Respeito muito os dois, cada um tem sua linha. Eu particularmente trabalho de uma maneira mais próxima da do Kfouri e não faria o que o Milton faz com merchandising, mas respeito e gosto da pessoa Milton Neves.”

Depois de mais de três horas de diálogo informal e divertido com os alunos da FMU, Mauro Beting disse que ficou feliz em resgatar o espírito do futebol. “Foi uma conversa muito legal, fiz novos amigos aqui. Isso também faz parte do futebol, não só os 22 jogadores em campo, mas também as discussões entre amigos, como tivemos nesta noite.”

 
A classe entretida com as histórias do jornalista
 
Mauro Beting brinca com aluno da FMU

Beting arranca risos com brincadeiras

Página atualizada em 06/05/2009 às 17h46