03/03/2008

Interrogatório por videoconferência será tema de debate na OAB

Interrogatório por videoconferência será tema de debate na OAB
 
A Comissão de Direito na Sociedade da Informação promoverá, dia 10 de março, das 13 às 19 horas, debate na sede da OAB, em São Paulo, a respeito da utilização do sistema da videoconferência para a realização do interrogatório do acusado. Professores e alunos do Mestrado em Direito da FMU participarão do evento.
 
A abertura contará com a presença do Dr. Coriolano Aurélio de Almeida C. Santos, presidente da Comissão e da Dra. Regiane Alonso Angeluci, vice-presidente. A presidência da mesa será da Dra. Daniella D’Arco Garbossa, 2ª Secretária e responsável pela Coordenadoria Criminal da Comissão. Todos são mestrandos do curso de Direito da Sociedade da Informação da FMU.
 
Autoridades no assunto, a maioria professores do Curso de Direito e do Mestrado da FMU, debaterão no evento os pontos positivos de tal método, como redução do transporte de presos perigosos para o fórum, celeridade processual e segurança pública, entre outros.

Também serão apontados os pontos negativos, tais como o prejuízo à ampla defesa, à publicidade do ato processual e a outros direitos e garantias do acusado assegurados constitucionalmente.

Busca-se, com isso, proporcionar, além do debate, a reflexão sobre os efeitos da tecnologia no processo penal.

As inscrições serão feitas mediante a doação de um kit escolar, contendo um caderno, uma régua, dois lápis, duas canetas e duas borrachas.

Serviço:

Local do evento: Salão Nobre da OAB – Praça da Sé, 385 – Térreo
Atendimento, programação e inscrições pelo site: www.oabsp.org.br ou no link:
http://www2.oabsp.org.br/asp/cultura.asp?pg=2.3.1&pgv=a&portlet=1&id_cultural=4255


Página atualizada em 03/03/2008 às 11h07