11 de dezembro

Complexo Educacional contrata acadêmicos renomados para compor seu quadro docente

Complexo Educacional  contrata acadêmicos renomados para compor seu quadro docente

O Complexo Educacional FMU, formado pela FMU, FIAMFAAM e FISP, acaba de reforçar seu quadro docente com a contratação de três novos profissionais. Luiz Felipe Quel, Allan Kozlakowski e Oswaldo Keiji Hikage chegam com a missão de agrupar os cursos por área do conhecimento investindo na qualidade da graduação e pós-graduação, aumentando a sinergia entre ensino, pesquisa e extensão. Com grande experiência acadêmica e de mercado, os profissionais já estão se dedicando integralmente à melhoria das matrizes curriculares para o ano letivo de 2009.

“As contratações são parte de um processo mais amplo de reestruturação acadêmica e de infra-estrutura pelo qual o Complexo Educacional FMU está passando”, explica o Vice-Reitor, Prof. Arthur Sperandéo. O Prof. Oswaldo irá assumir a Coordenação dos Cursos de Engenharia, enquanto os professores Luiz Felipe Quel e Allan Kozlakowski ocuparão a recém criada função de Diretor de Área, respectivamente em Ciências Exatas e Gerenciais e Comunicações e Artes.

O Pró-Reitor Acadêmico, Prof. Dr. Angelo Palmisano, acredita que as novas diretorias irão contribuir para promover a necessária sinergia entre os cursos, viabilizando o caráter inter, multi e transdisciplinar, necessário para continuar a promover a adequada formação dos alunos. “A inserção plena do ser humano na sociedade se dá pela sua atuação e sucesso no mercado de trabalho, para tanto, uma sólida formação acadêmica contribui decisivamente para a obtenção de competências, habilidades e atitudes imprescindíveis no campo profissional. Em continuidade ao projeto de expansão do complexo educacional FMU, centrado na qualidade do ensino, os novos profissionais que agora integram a nossa equipe contribuirão de forma significativa para atingirmos esse objetivo”, explica Palmisano.

Conheça os novos profissionais da FMU, seus desafios e prioridades 

 
Luiz Felipe Quel
Diretor do Departamento de Ciências Exatas e Gerenciais


O fortalecimento e inovação constantes das tecnologias educacionais com vistas a uma formação integral dos alunos dos cursos do departamento são desafios prioritários. Resgatar e desenvolver docentes e projetos de cursos com a finalidade de integrar as propostas pedagógicas para construção de um ambiente acadêmico que capacite os alunos também são nossas metas. Iremos posicionar os cursos da FMU como opções de excelência no panorama da educação superior, dando ao alunado condições máximas para a conquista de competências essenciais às suas profissões.”

   
Allan Kozlakowski
Diretor do Departamento de Comunicações e Artes

“Conduzir os processos acadêmico-pedagógicos e orientar a participação inovadora para a realização dos projetos da FMU, FIAMFAAM, FISP são as prioridades. Além disso, iremos orientar a gestão pedagógica dos cursos de graduação e tecnológicos e articular o planejamento

estratégico convergente às outras áreas do conhecimento em outros departamentos da Instituição. O preparo para resolver as demandas desse contexto extremamente dinâmico e implementar projetos inovadores e pedagogicamente embasados – conforme as Diretrizes Curriculares Nacionais homologadas pelo MEC – são os maiores desafios.”
   
 
Oswaldo Keije Hikage
Coordenador dos cursos de Engenharia


“Juntamente com o corpo de professores e apoio da Instituição, visamos aprimorar ainda mais a qualidade dos cursos de engenharia,  tornando-os referências no ensino. Para alcançar essa meta, o modelo de Balanced Scorecard servirá de apoio, com base nos indicadores de desempenho do MEC. Aumentar as parcerias com empresas e promover a participação dos alunos em projetos para a comunidade em geral serão algumas de nossas prioridades.”